• Li Europan lingues es membres del sam familie. Lor separat existentie es un myth. Por scientie, musica, sport etc, litot Europa usa li sam vocabular.

    Li lingues differe solmen in li grammatica, li pronunciation e li plu commun vocabules. Omnicos directe al desirabilite de un nov lingua franca: On refusa continuar payar custosi traductores.

  • [FP] Tae Min Kyeong

    Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

    [FP] Tae Min Kyeong

    Mensagem por Tae Min Kyeong em 4th Janeiro 2016, 6:18 pm
    Tae Min Kyeong
    Min Rainha ♥


    15 anos
    Atores
    Indie
    A
    Homossexual
    Sul-Coreana




       Minkyeong é o tipo de pessoa que parece ter nascido para se dar mal na vida. Primeiramente, levamos em conta o fato de ter nascido morrendo. Assim que saiu de ventre da mãe, o garoto foi encaminhado para a UTI do hospital, por estar sofrendo dores descomunais na cabeça, a pele arroxeada além do natural, apontando que havia algo de errado com o pequeno. Qual não fora a surpresa dos pais ao descobrir que seu pequeno bebê sofria de um caso raro de aneurisma – problema que geralmente atinge pessoas adultas – e que passaria muito tempo internado, muito mesmo. Talvez ele nem tivesse mesmo a chance de conhecer o quartinho que a mãe levara tempo arrumando para a sua chegada.
    Nos primeiros dois anos era tudo muito difícil, pois o pequeno não conseguia agir como as outras crianças, não tinha firmeza nas pernas, mal se mexia na presença dos pais, era muito fraquinho e pequeno – mesmo sendo uma criança de dois anos -. Até então, não havia deixado o hospital em um momento sequer, sempre sob o olhar vigilante de seu médico, que temia não estar perto caso o quadro se agravasse. Era tudo muito arriscado para o jovem Tae.
    O tratamento manteve-se intenso até que o mesmo tivesse sete anos, e até esse período, foram poucas as vezes que o mesmo conseguira permissão para ir visitar a família em casa. A esta altura, o pequeno já sabia a agir como uma criança, conversava avidamente – geralmente surpreendendo as pessoas com sua inteligência -, era quase impossível lhe manter dentro do quarto do hospital. As enfermeiras viviam loucas o procurando, tendo em vista o fato de que esse amava fazer explorações pelo prédio.
     Aos oito, teve a feliz notícia que o aneurisma havia estranhamente sumido, e que enfim, poderia sair do hospital, iniciar a vida que lhe fora erradicada desde o nascimento. Seus pais, animados pelo fato de que enfim poderiam dar ao pequeno a vida que sempre pretenderam, logo pensaram em matriculá-lo em uma escola, deixando-o em adaptação com um professor particular.
    Outra fase infernal para o pequeno. Além de não conseguir se adaptar no convívio com outras crianças, o menino era aliciado pelo professor, que sob os olhos dos pais, se aproveitava de sua ingenuidade.  
    Sem saber como reagir ou contar, o menino permaneceu nessa tortura por um ano, até ter coragem o suficiente para denunciar ao pais, que tiveram como primeira atitude, processar o safado que abusara de seu pequeno.
    Minkyeong nunca conseguiu se adaptar cem por cento na vida social, por este fato, os pais sempre o mimaram muito, enchendo-o de brinquedos caros, mimos que nem todas as pessoas teriam condições de dar aos filhos, como grandes montantes de terras na Europa, e coisas além.
    No entanto, isso tudo sempre pareceu demais para o pequeno, que tinha como único orgulho, a coleção enorme de livros que decorava as paredes de seu quarto na grande mansão. Sem muitas motivações, a única coisa que o jovenzinho gostava de fazer, além de ler, era encenar algumas peças infantis de teatro para os empregados da família e para os irmãos mais velhos.
    O descobrimento de sua vocação para ator surgiu nessa época, em torno dos seus doze aninhos. Como os pais não ambicionavam nada para seu futuro – ao contrário do que ocorria com os irmãos, que eram sempre cobrados -, não foi difícil convencê-los a apoiar sua carreira de ator. Claro que nada foi conquistado com dinheiro, tendo em vista o fato de que jovem sempre fora muito orgulhoso, sempre insistindo que queria ganhar tudo sozinho.
    Nessa época, um pouco de seu comportamento mudou, ele começou a largar a casca que criara para se proteger, começou a ver o mundo com os próprios olhos, e embora tivesse dificuldade em coisas básicas, era incrível como no fim do dia, ele sempre aparentava ter vencido uma grande batalha.

    Minnie é um garoto puramente infantil, muito inocente e talvez tenha o coração mais puro que você irá conhecer, embora a vida nunca tenha cooperado para isso, parece ser o tipo de pessoa que conservou a aura pura de criança. Sempre preocupado e esforçado naquilo que se dispõe a fazer.
    Um pouco – muito – manhoso e carente. Por vezes, irritante, devido ao fato de sempre querer chamar atenção daqueles a quem ama. Extremamente sensível e chorão, não tem muito equilíbrio sobre suas emoções, por isso, é bom tomar cuidado ao deixá-lo bravo ou magoado. Ele pode botar fogo na sua casa sem ao menos medir as conseqüências do ato.
    ♦ Você pode comprá-lo com doces
    ♦ Ama ficar abraçado nas pessoas
    ♦ Ama deixar as pessoas constrangidas com comentários.  
    ♦ Sabe desenhar e cozinhar extremamente bem.   
    avatar
    Tae Min Kyeong

    Mensagens :
    8

    Idade :
    18


    Independentes
    Ver perfil do usuário

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: [FP] Tae Min Kyeong

    Mensagem por Someone em 6th Janeiro 2016, 3:18 pm
    Ficha
    Ficha aceita, parabéns! <33

    Bem-vinda ao Sunny Days
    avatar
    Someone

    Mensagens :
    271


    Someone
    Ver perfil do usuário http://sunnydays.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


    Permissão deste fórum:
    Você não pode responder aos tópicos neste fórum