[AVALIAÇÃO] Eogeum Lu Yi (LUI)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[AVALIAÇÃO] Eogeum Lu Yi (LUI)

Mensagem por Jung Lu Yi em 11th Março 2016, 10:01 pm


Dia três de Março. O tempo está razoavelmente frio, o céu está fechado, e a temperatura é baixa, porém não chega a ser extrema. As avaliações começaram às 08:30 da manhã e seguiram até às 05:30 da tarde. Na bancada de avaliadores estão: O CEO, a PD Kyung Ah Rin e o compositor Hae Gong Woo.

Local: Auditório da Moon-J Entertainment.
Moon-J Entertainment
avatar
Mensagens :
7

Idade :
21

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVALIAÇÃO] Eogeum Lu Yi (LUI)

Mensagem por Jung Lu Yi em 12th Março 2016, 12:15 am


YOUNG

Quando as estrelas acordam, elas brilham para mim.
Como presente de aniversário, a tia do garoto pagou-lhe a viagem de Busan para Seul.  A mala que o rapaz havia levado não era das maiores, ao contrário dos seus sonhos e seus planos: estes eram imensos. Sabia que não seria fácil, mas deveria tentar ser como seus sunbaes e, se possível, ser bem recompensado e sucedido por isso.

Além da mala, portava consigo o celular e os fones de ouvido branco. Suas músicas nunca o abandonavam, até porque, sua inspiração dependia das batidas e das letras em harmonia, que junto com seu humor, tirava-o da realidade. Os raps que ouvia, apenas serviam para inspirá-lo mais e tentar acalmar o pobre Lu Yi. Não era sempre que ia para Seul e muito menos que faria uma audição, mostrando o potencial que sua voz tinha.

Mesmo assim, o garoto ainda era um pouco cheio de si. Acreditava em sua capacidade mais que o permitido e mais que o normal. Mas mesmo assim, era gentil e educado, mesmo que sempre deixasse um olhar carrancudo e uma expressão ranzinza de inexplicável descontentamento, o rapaz sabia usar de sua doçura, seus sorrisos e seus bons modos para impressionar, inclusive sua aparência fofa.

Naquele momento, portava os cabelos na cor natural e estava bem agasalhado. Desde cedo, quando tomava aulas, sabia que devia aquecer devidamente bem para que sua voz saísse perfeita, já estava hospedado e precisamente, pegava a condução que o levaria ao lugar da audição. Já tinha tantos planos moldados em sua mente que achava impossível ter que jogá-los fora, caso não fosse aceito: ele queria tanto aquilo. Sua voz grave ajudava ao fazer seus raps e sua facilidade em falar contribuía ainda mais para que sua técnica saísse perfeita.

Tremia e não tremia pouco, estava nervoso, suas palmas soavam, seus olhos piscavam mais que o normal, sua boca estava seca. Já havia tomado quatro copos de água e dois de café, não aguentava mais aquela ansiedade toda. Era o número 22 e, naquele momento, tinha até o número 44, porém, ainda estavam no número 19. Cada hora que um saía, podia visualizar alguns semblantes confiantes, outros tristes e alguns derrotados. Duas garotas e um menino saíram chorando. Eles eram muito rígidos? Repassou toda a letra do rap, lembrou-se dos passos que deveria seguir. 21. Seu coração acelerou, muito. 22.

Lui quase teve um infarto, devo dizer que talvez tenha tido mesmo. Levantou-se, vestiu a máscara do “Não me importo com nada disso, eu sou mais. Eu acredito em mim.” E entrou na sala. Olhou os jurados e deu uma secada nas mãos.

Annyeong-haseyo! Sou Eogeum Lu Yi. A música escolhida chama-se Young.

Apresentou-se, olhando para os jurados e, após isso, fazendo uma reverência de quase perfeitos noventa graus, como sua mãe ensinou-lhe. Alguns segundos depois a batida da música começou e junto com a voz grave do rapaz, as primeiras palavras foram faladas de forma lenta, porém concentrada, enquanto seus olhos permaneciam fechados e a voz saia baixa.

I got that nasty flow neon byeongdeun dalg naegeneun imi watgo
neon gidarineun jung byeotdeul nal
seunaepbaek arae gullyeodaeneun gyesan ppalli beollyeoboso gaepan
neon hyeotbadak deigo mat bol geoya jiok
There’s level to this game boy chegeubiran ge itdago aechoe
Spit fire get higher feel so fresh as always
ileun oeroun sutja ineun cheot beonjjae paebaeja
isyu jjotneun geotdeul jonjung ttawin eopda



Já havia tomado o ar necessário e então, conforme a música continuava e vinha novos ritmos, começou a executar alguns passos simples, mexendo as mãos em algumas partes do primeiro rap, dando alguma mexida nos ombros e no tórax em si.

Wait a minute nuguegen no manner shit
gaptuktwiga nae cheosinsang i mudae hanaro jaebuting (hae)
nae silsureul gidaehaji ireon gwansimeun naegen gihoeya
walgawalbuneun nae seutairi anya ildan boyeojulge kkeutnan hue haji



A música estava mais animada nesse ponto, portanto o garoto evoluiu os passos, mexendo mais o corpo, porém mantinha a voz ainda grave, mas dessa vez saía mais alta, de modo a acompanhar as batidas que saíam, por igual, altas, olhava para os jurados, alternando o olhar entre eles. Sua franja caiu frente aos olhos, dando-lhe um aspecto mais compenetrado e em contraste com sua voz, parecia ainda mais adulto.

I’m seogwon meolji anhasseo gasibangseok malgo don bangseoge anjeul nal
I’m what I I’m nan nareul daepyohae
sajangnim garasadae junggantuip hue gaegosaeng nan choegodwae

Modificou o momento em que as palavras sairiam, pois assim poderia cantar as duas partes juntas. Colocou as mãos nos bolsos e parou, mexendo apenas os ombros indo para frente e para trás, enquanto ouvia o ritmo diminuir.

mome baen know how wiheomhage ollagadeorado keun muri eobseo
bami saegikkaji anjaman itdaga
wollae geureoteut keun mullo ttwieodeureo
dwiro mulleona nan wiheomhanikka eodi gana teureobeul iksukhaji
dwiro mulleona nan wiheomhanikka eodi gana teureobeul iksukhaji

Passou a bater as mãos, seguindo os acordes, enquanto ao invés de fazer rap, cantou normal, usando de sua voz grave para dar um charme maior na música, sem deixar de manter-se afinado. Lentamente, enquanto a música voltava a agitar-se, manteve-se parado, em pé e mexia apenas as mãos, voltando a cantar.

yeongsunwiya nan tokki neoneun geobugiya
uri wichineun yeongsunwiya
uri wichineun yeongsunwiya
It’s just music wichineun haneulgwa beomjeophage
No mercy nae apeun eonjena gongheohaji
Bass drum nae raebeul eonjeoseo modu yongjeophaji
urin gyesan gateun geo eobsi ganikka meongcheonghaji

Alternou entre o refrão e a continuação da canção, sentindo-se totalmente dominado pelo som, passou a mão levemente sobre os fios, bagunçando-os ainda mais, enquanto soltava sorrisos de canto, dizendo os versos com uma tranquilidade assustadora.

namani juingong na malgon jeonbuda haengin
yesure changuiryeok eobsi hwicheongineun moseubi gwiyeoun penggwin
nan mudaeseo ttwilteni neon tibina bomyeonseo chimina heullyeo
nan seonggongen gwansimi eobseo seonggongi nal bomyeon seo iri ora bulleo

Manteve o ritmo, tornando a alternar os olhares entre os jurados, sorrindo às vezes. Sua rapidez em proferir as palavras chegava a ser bonita, mas Eogeum não se julgava totalmente bom nisso, sabia que podia melhorar e tentaria para conseguir a tão almejada vaga e o tão almejado debut.

irina (ho) keunirina (ho)
ilwin na (ho) da ireona (wow)
neukkimi wa (uh) michin gorilla (rrr)
No mercy jabi eobsi horangi seonsaengnim jabeo (rock)
I’m sorry yeoreobun ilwijiman nan younghae
gamtansa ppangppang teoteurigo mane O man
jeongsin eobsi teojineun neukkime KOdwae
geokkuro dwijibeo ppallajineun rideume okay (yeah)

Os três primeiros versos saíram lentos e enquanto os falava, seu sorriso de canto tornava a aparecer, revelando algumas covinhas que o deixavam ligeiramente fofo. Colocou as mãos no bolso novamente, piscando para os três representantes da empresa conforme cantava, distribuindo sorrisos para os mesmos também, como pensava em fazer para os fãs. O final, voltou para o rap mais rápido, soltando as palavras com facilidade e rapidez.

keun mullo ttwieodeureo umcheuryeotdeon mankeum ttwieo deo higher
padoga millyeodeureo paneul eopeo swilsae eobsi morachyeo
We young, we young, we young
We young, we young, we young
Wait a second teojineun bulkkot hairaiteu woah

Retirou uma das mãos do bolso e deixou-a sobre o peito, fechando os olhos por breves momentos e cantando com o coração, já que era uma parte mais lenta. Sua voz grave estava baixa, oscilou o peitoral durante a parte em inglês, mantendo a mão no bolso e deixando a outra ao lado do corpo.

mome baen know how wiheomhage ollagadeorado keun muri eobseo
bami saegikkaji anjaman itdaga
wollae geureoteut keun mullo ttwieodeureo
dwiro mulleona nan wiheomhanikka eodi gana teureobeul iksukhaji
dwiro mulleona nan wiheomhanikka eodi gana teureobeul iksukhaji

Repetiu o primeiro ato ao cantar o início do refrão, mostrando o sentimento, mas dessa vez manteve a voz um pouco mais baixa, pois sabia que a mesma ficaria grave e boa para ouvir, harmonizando-a com a batida lenta da parte da música, seu tempo estava acabando, mas, sabia que a música tinha mais poucos segundos, então nasalou a voz levemente, soltando as duas mãos do bolso, mexendo apenas a cabeça, abaixando-a, erguendo-a, reproduzindo os movimentos até o final da canção.
yeongsunwiya nan tokki neoneun geobugiya
uri wichineun yeongsunwiya
uri wichineun yeongsunwiya
yeongsunwiya nan tokki neoneun geobugiya
uri wichineun yeongsunwiya
uri wichineun yeongsunwiya

Terminou levemente ofegante, mas não deixou transparecer, enquanto leves gotículas de suor estampavam sua face. Sorriu mais uma vez, refazendo a reverência na inclinatura formal, pois era assim que a ocasião mandava e, após responder algumas perguntas dos jurados, sempre com o sorriso no rosto, pois sentia ser necessário, foi liberado, avisando que a lista dos novos membros da empresa seria divulgada algum tempo depois, no fim da tarde.



But you’re neither a friend or a foe tough I can’t seem to let you go the one thing that I still know’s that keeping me down…

_________________



Jung {Lu Yi} Lui

Rapper | Seinnie <3 | Haters gonna Hate, but I’m just love, love and love.
by: Morgs @PixiesAvatars
Moon-J Entertainment
avatar
Mensagens :
7

Idade :
21

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum